domingo, 23 de novembro de 2014

Cicciolina na Assembleia da República (1987)



A Internet é mesmo um reservatório de memórias! Recentemente deparei-me com este vídeo da comunidade de Facebook "Tesouros da TV Portuguesa". Estou chocado - não pela exibição dos seios de Cicciolina (aka Ilona Staller, aka Elena Anna Staller), a na altura deputada do italiano Partido Radical - mas por não ter memória deste evento! Em 1987, tinha apenas 8 anos, mas já era um míudo atento aos assuntos da vida política. Basta ver que no ano anterior rabisquei a porta de casa com slogans das campanhas de Mário Soares e "Foreitas" do Amaral. Espero sinceramente que me tenham dado umas bolachadas por causa disso.

O Palácio de S. Bento, a casa da Assembleia da República Portuguesa tem sido palco das mais diversas situações além de debates, tais como discussões acesas, ministros a fazerem corninhos, anedotas de gosto duvidoso, mas em 19 de Novembro de 1987, deve ter sido a primeira e última vez que seios foram descobertos em público (embora fora da câmara principal) qual  versão mais atrevida do busto da república francesa (ou mesmo da portuguesa).



A deputada poetisa Natália Correia não perdeu a oportunidade de dedicar um poema ao acontecimento e o seu impacto na ala mais conservadora e púdica da política portuguesa. Encontrei o texto no blog "Folha de Poesia":
"Estava o Parlamento em tédio morno
Do Processo Penal a lei moendo
Quando carnal a deputada porno
Entra em S. Bento. Horror! Caso tremendo!

Leda à tribuna dos solenes sobe
A lasciva onorevole Cicciolina
E seus pares saudando ali descobre
O botão rosado da tettina.

Para que dos pais da Pátria o pudor vença,
Do castro bracarense o verbo chispa:
«Cesse a sessão em nome da decência
Antes que a Messalina mais se dispa.»

Mas - ó partidas que prega a estatuária! -
Que fazer no hemiciclo avesso ao nu
Ali ostenta sem pudor nenhum?

Eis que o demo-cristão então concebe
As vergonhas velar da escultura.
Honesta inspiração do céu recebe
E moção apresenta de censura:

«Poupado seja à nudez viciosa
O olhar parlamentar votado ao bem.
Da estátua tapem-se as partes vergonhosas.
Ponham-lhe cuequinhas e soutiens.»"

Cicciolina abraça Natália Correia

As provas do "crime":


A "Rua Sésamo" podia ter usado as imagens para ensinar a contar:

Ou então se calhar, não...

Provavelmente o dia mais excitante da vida da Assembleia da República.

Naturalmente, a imprensa agarrou a história.
Uma reportagem da RTP, com as imagens 'ao vivo' e a cores, não censuradas:


E na imprensa escrita, uma descrição dos acontecimentos protagonizados pela "pornodeputada" e o "jogo do empurra" sobre a responsabilidade do convite que deu origem a esta "pedrada no marasmo da sessão":
"Diário de Lisboa" [20 Novembro 1987]
"Diário de Lisboa" [20 Novembro 1987]
A visita a Portugal devia-se à outra carreira de Cicciolina, a de cantora, com actuação no Coliseu dos Recreios,e a imprensa também lhe dedica algumas palavras: "Cicciolina descobre: homens portugueses são muito tímidos."
"Diário de Lisboa" [20 Novembro 1987]
"Diário de Lisboa" [21 Novembro 1987]
 Tenho pena do sentinela, que nem pode olhar...


Actualização: Enquanto Cicciolina se encontrava por terras de Camões, ainda participou no programa "Já Está", exibido na RTP2 dia 26 de Novembro de 1987:


Como sempre, o leitor pode partilhar experiências, corrigir informações, ou deixar sugestões aqui nos comentários, ou no Facebook da Enciclopédia: "Enciclopédia de Cromos". Visite também o Tumblr: "Enciclopédia de Cromos - Tumblr".

Se gostou, Partilhe: »»

Save on Delicious

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...