quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

The Escape (The Piña Colada Song) (1979)



Por altura da estreia do "Guardiões da Galáxia" (crítica aqui) dediquei-me a ouvir a banda sonora de dito filme. Fiquei viciado na selecção de faixas dos anos 70 e 80, apesar de na sua maioria  terem assumidamente sido escolhidas pela sua componente lamechas ou chunga. Para mim foi o ganhar de  vários guilty-pleasures, e o primeiro a trazer para a Enciclopédia tinha que ser o The Escape (The Piña Colada Song). Claro que já conhecia a canção, ouvida vá-se lá saber onde nas últimas décadas, e  apesar de nos últimos meses a ter escutado dezenas de vezes só hoje pesquisei o videoclip e a letra desta simples história literal que relata como um casal reencontra o calor da paixão... na traição. Às vezes é interessante ouvir uma canção direta ao assunto, sem floreados e metáforas que geralmente só servem para encher chouriços. Interpretei e visualizei a historieta mentalmente, vou agora comparar com o vídeo oficial. Infelizmente, não encontrei nenhum videoclip tradicional, apenas actuações em programas de TV....
Alguns vídeos:





Segundo a Wikipedia, a canção "Escape" tornou-se imediatamente popular, mas as vendas só dispararam quando acrescentaram o súbtítulo "The Piña Colada Song", mudança aprovada relutantemente pelo escritor e cantor da mesma, o britânico/norte-americano Rupert Holmes.

Curiosamente, Holmes nem gosta de piña colada; a letra original dizia "if you like Humphrey Bogart", mas foi mudada para o primeiro cocktail que o autor recordou. Foi o single de sucesso do álbum "Partners in Crime" (dai as algemas na capa) e o mais popular da carreira de Holmes. 
A letra:
"Escape (The Piña Colada Song)"
I was tired of my lady, we'd been together too
long
Like a worn out recording of a favorite song
So while she lay there sleepin' I read the paper in
bed
And in the personal columns, there was this letter
I read
If you like piña coladas and getting caught in the
rain
If you're not into yoga, if you have half a brain
If you like making love at midnight in the dunes of
the cape
Then I'm the love that you've looked for, write to
me and escape
I didn't think about my lady, I know that sounds
kind of mean
But me and my old lady had fallen into the same
old dull routine
So I wrote to the paper, took out a personal ad
And though I'm nobody's poet, I thought it
wasn't half bad
Yes, I like piña coladas and getting caught in the
rain
I'm not much into health food, I am into
champagne
I've got to meet you by tomorrow noon and cut
through all this red tape
At a bar called O'Malley's where we'll plan our
escape
So I waited with high hopes and she walked in
the place
I knew her smile in an instant, I knew the curve of
her face
It was my own lovely lady and she said, "Aw, it's
you."
Then we laughed for a moment and I said, "I
never knew."
That you like piña coladas and gettin' caught in
the rain
And the feel of the ocean and the taste of
champagne
If you like making love at midnight in the dunes
on the cape
You're the lady I've looked for, come with me and
escape
If you like piña coladas and getting caught in the
rain
If you're not into yoga, if you have half a brain
If you like making love at midnight in the dunes
on the cape
Then I'm the love that you've looked for, write to
me and escape
Yes I like piña coladas and getting caught in the
rain
I'm not much into health food, I am into
champagne
I've got to meet you by tomorrow noon and cut
through all this red tape


A letra traduzida:


Como sempre, o leitor pode partilhar experiências, corrigir informações, ou deixar sugestões aqui nos comentários, ou no Facebook da Enciclopédia: "Enciclopédia de Cromos". Visite também o Tumblr: "Enciclopédia de Cromos - Tumblr".

Se gostou, Partilhe: »»

Save on Delicious

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...