segunda-feira, 18 de junho de 2012

Já Tocou! (1989-1993)

por Paulo Neto

Na primeira metade dos anos 90, surgiu na televisão nacional uma trilogia de séries juvenis americanas que fez o maior furor junto da população adolescente. Era quase o equivalente high school da trilogia da "Guerra das Estrelas". Na RTP, havia "Beverly Hills 90210" (que inicialmente chegou a ter título português de "Febre em Beverly Hills"). E na recém-criada TVI, "Parker Lewis Can't Lose" e "Já Tocou!".




"Saved by the bell" no original, a série foi reciclada de uma anterior série, "Good morning, Miss Bliss", que fora cancelada após alguns episódios. No entanto, o projecto foi renovado, mantendo alguns dos actores e alterando a localização de Indiana para Los Angeles. E em 1989, "Já Tocou" estreava nos Estados Unidos e logo cativou o público com o seu humor, personagens carismáticas e a forma como abordava certos problemas adolescentes como o bullying, drogas, álcool, divórcio e relações amorosas. Nesse aspecto foi uma série precursora de outras como o "Príncipe de Bel-Air" ou "Dawson's Creek" na forma como apresentava questões sociais e morais às audiências mais jovens. Em Portugal, a série foi estreada no advento da TVI em 1993, com várias repetições nos anos seguintes. 

A série seguia a vida de seis adolescentes e todas as peripécias e sarilhos ao longo dos seus anos de liceu, onde normalmente o director da escola tem que intervir. As desventuras são mais que muitas, mas por entre todos as situações, acabam por se tornar um grupo de amigos bastante unidos.





Zack Morris (Mark-Paul Goesslaar) é o líder do grupo. Confiante e espertalhão, tem sempre um plano mirabolante para atingir os seus objectivos, seja passar num exame ou conquistar a bela Kelly Kapowski. Embora se comporte frequentemente de forma manipuladora e egocêntrica, no fundo até tem bom coração e na hora do aperto, faz tudo pelos amigos. Com o evoluir da série e do namoro com Kelly, Zack vai-se tornado mais maduro e responsável. Zack costumava dirigir-se aos espectadores, para introduzir o episódio ou dar a sua opinião, chegando para tal a dizer "Time out!" e tudo à volta dele parava enquanto ele falava para a câmara, como uma espécie de superpoder.




Samuel Powers (Dustin Diamond), Screech para os amigos, é o típico nerd, desastrado mas inteligente. Aliás, ele até construiu o seu próprio robot, Kevin. Screech é o comparsa preferido de Zack para os seus esquemas, e quase sempre que fazia a pior figura quando as coisas corriam mal. Screech é também completamente apaixonado por Lisa, apesar da constante rejeição dela. 





Kelly Kapowski (Tiffani-Amber Thiessen) é a típica menina bonita do liceu: a cheerleader popular e apenas aparentemente fútil. Inicialmente é disputada por Slater e Zack, acabando por namorar com este. À medida que a série avançou, Kelly revela-se a mais generosa e leal do grupo de amigos, sendo particularmente protectora de Screech.




A.C. Slater (Mario Lopez) é o desportista, sendo a estrela da escola na luta livre e no futebol americano. Com a sua aura de durão, começa por ser inimigo de Zack e seu rival na disputa por Kelly Kapowski. Eventualmente, os dois tornam-se amigos e as atenções de Slater voltam-se para Jessie. 





Lisa Turtle (Lark Voorhies) é a rapariga mais fashion da escola. Está sempre mais preocupada com o que vai vestir do que com os trabalhos de casa. Está sempre a lutar contra os avanços amorosos de Screech por causa da sua reputação mas no fundo até o valoriza como amigo.





Jessie Spano (Elizabeth Berkeley) é estudiosa, esforçada e inteligente, com fortes opiniões liberais, ecológicas e feministas que faz com que seja a primeira a falar diante de alguma injustiça. Mas também é insegura quanto à sua altura e por vezes deixa-se levar pelos nervos (chega a ser dependente de cafeína). É amiga de infância de Zack, embora não goste dos esquemas dele, e costumam ir ter ao quarto um do outro trepando às árvores. E num caso de extremos opostos, Jessie dá por si atraída por Slater apesar de muitas vezes entrarem em divergência.





Richard Belding (Dennis Haskins) é o director da escola. Normalmente é o alvo principal das partidas de Zack. Mas também por vezes age como uma figura paternal do grupo, com a sua atitude austera mas justa. Com o evoluir da série, ele e Zack acabam por nutrir um sentimento mútuo de respeito e admiração, ao ponto de Belding dar o nome de Zack ao seu filho. Vem-se a descobrir que em adolescente era um hippie anti-autoridade.





De referir mais três personagens recorrentes: Max (Ed Alonzo) dono do café do mesmo nome onde o grupo  costuma-se reunir, sempre com um truque de magia na manga; Violet Bickerstaff (Tori Spelling pré-90210), uma nerd que chega a namorar com Screech; e Tori Scott (Leanna Creel), a miúda rebelde que vive um relação de atracção-repulsa com Zack e ilustrou uma falha na continuidade da série.
Isto porque após os episódios da última série terem sido filmados, a cadeia de televisão exigiu mais episódios para essa época. Como Tiffani Thiessen e Elizabeth Berkeley não renovaram  o contrato, esses episódios adicionais foram filmados com o restante elenco e com Leanna Creel desempenhando essa nova personagem protagonista. Nos Estados Unidos, a última temporada foi exibida alternando os primeiros e os novos episódios, o que significava que num episódio entravam Kelly e Jessie e no seguinte aparecia Tori, e assim sucessivamente sem nenhuma explicação para ausência das personagens. Porém, noutros países como Portugal, optou-se por exibir primeiro os episódios com Kelly e Jessie  e depois os episódios com Tori.

Chegou a haver uma série spin-off, também exibida na TVI, com Zack, Screech, Slater e Kelly na Universidade ("Já tocou na Faculdade"), mas que só durou uma temporada. Também foram feitos dois telefilmes especiais, um onde o grupo passa férias no Havai e outro em que Zack e Kelly casam-se em Las Vegas. Uma segunda fase da série foi exibida entre em 1994 e 2000, com Dennis Haskins e Dustin Diamond a reprisarem os seus papéis e vários actores dando a vida aos novos alunos, mas sem conseguir recuperar o carisma das personagens nacionais. Entre os actores da nova fase, a mais conhecida é Sarah Lancaster ("Os Amigos de Brian", "Chuck").

O que fizeram depois os seis magníficos e onde andam agora? Em 1997, Elizabeth Berkeley escandalizou meio mundo   com o seu papel em "Showgirls". Tem feito várias participações especiais em séries de televisão e espera presentemente o seu primeiro filho. Mario Lopez continua activo na representação ("Nip/Tuck", "Glee") mas hoje em dia é mais conhecido como apresentador, nomeadamente em "America's Best Dance Crew". Lark Voorhies tem aparecido em telenovelas e filmes independentes e fez dobragens para "Robot Chicken". Tiffani Thiessen entrou em "90210", rodou um filme com Woody Allen e entra actualmente em "Apanha-me se puderes". Mark-Paul Goesslaar continuou a brilhar na televisão: "Senhora Presidente", "Na Barra dos Tribunais" e actualmente vemo-lo em "Frankin & Bash". Por seu turno, Dustin Diamond tem entrado em diversos reality shows... e fez um filme pornográfico! 




    

Se gostou, Partilhe: »»

Save on Delicious

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...