quarta-feira, 9 de março de 2016

Madalena (1988-2001)

por Paulo Neto


"Numa casa antiga de Paris, coberta de trepadeira,
Viviam doze meninas alinhadas à boa maneira.
Saíam de casa sempre às nove e meia
Mesmo se o tempo fizesse cara feia.
E a mais pequena chamava-se Madalena."



Era assim, com a narração de Ruy de Carvalho na dobragem portuguesa, que começava cada episódio da série animada "Madalena", exibida nos espaços infantis da RTP 2 ao longo dos anos 90.

A série de animação era baseada numa série de livros infantis da autoria de Ludwig Bemelemans (1898-1962) sobre um grupo de meninas que vivem num colégio privado de Paris, em especial a mais pequena, Madeline, sempre a meter-se em aventuras.

Capa do primeiro livro da série

Antes da série exibida em Portugal, produzida pela DIC Entertainment, os livros já tinham sido objecto de algumas adaptações em desenho animado. Uma curta-metragem de 1952 chegou mesmo a ser nomeada para um Óscar.



A série produzida pela DIC começou em 1988 com o primeiro de cinco especiais de uma hora que adaptavam outros tantos livros da colecção, produzidos entre 1988 e 1991. A partir de 1993, passou a série regular com histórias inéditas. Três conjuntos de episódios foram produzidos e exibidos nos Estados Unidos em 1993, 1995 e 2000-01. Esta terceira série de episódios foi premiada com um Emmy.

Em Portugal, os cinco especiais foram exibidos em 1993 e a primeira série em 1995. Como já foi referido, a narração era de Ruy de Carvalho (a versão original era narrada por Christopher Plummer) e contava com as vozes de Ermelinda Duarte, Manuela Couto, João de Carvalho, Luísa Cruz, Ana Madureira e Margarida Rosa Rodrigues. Segundo o site Desenhos Animados, a SIC reexibiu a série em 2001 com outra dobragem.

Madalena (voz de Manuela Couto)

Miss Clavel (voz de Ermelinda Duarte)

Embora a série centrava-se sobretudo em Madalena, havia outras personagens populares como a Miss Clavel, a mestra do colégio (que ao contrário do que a sua indumentária pode indiciar, não era uma freira), o Lord Cotovia, o dono do colégio, a espertíssima cadela Genoveva adoptada pelas meninas e Pepito, um rapazinho filho do embaixador de Espanha, que vive na casa ao lado do colégio e que, embora inicialmente se comporte como uma grande peste, acaba por ser um grande amigo de Madalena e ocasional parceiro das suas aventuras. De entre as colegas de Madalena, três costumam ter um pouco mais de destaque: Carla, de longos cabelos ruivos, Nicole, de cabelo curto, e Daniela, de cabelo castanho encaracolado.

Nicole (voz de Ana Madureira)
Carla (vozes de Luísa Cruz e Margarida Rosa Rodrigues)
Daniela (voz de Margarida Rosa Rodrigues)
Lorde Cotovia (voz de João de Carvalho)
Pepito (voz de Ana Madureira?)


Embora à primeira vista pudesse parecer uma série demasiado infantil e ameninada, a verdade é que os bonecos eram tão giros e as histórias tão engraçadas que eu e o meu irmão costumávamos ver.

E ainda hoje recordo-me da canção do genérico, interpretada por Manuela Couto:

Se alguém me diz
Tu és petiz
Precisas de crescer
Eu digo que não tens razão
E vem-me conhecer

Sou Madalena, Madalena,
Miúda mais valente
Sou Madalena, Madalena,
Por dentro, sou gente

E mesmo assim pequena
como parecer ser
Por dentro a Madalena
Sabe bem o que quer

Madalena, Madalena!

A Madalena é pequena
Mas muito destemida
Pequena sou por fora
Mas por dentro, crescida




Em 1998, houve uma adaptação cinematográfica da franchise com Frances McDormand no papel de Miss Clavel. Existem também um filme da série produzido directamente para video, colecções de DVD e de jogos de vídeo educacionais.    

Cena do filme "Madeline" de 1998


Capa de um dos DVD




Se gostou, Partilhe: »»

Save on Delicious

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...