segunda-feira, 1 de maio de 2017

"Star Wars Theme / Cantina Band" Meco (1977)

por Paulo Neto

Como já disse anteriormente, eu não sou um aficionado do universo Star Wars. Sei a história por alto, sei reconhecer alguns dos aspectos do universo, mas nunca me interessei por aí além e o único filme que vi por completo foi o infame episódio 1, o tal do Jar-Jar Binks (o que não ajudou a aumentar o meu interesse). Seja como for, não há como negar que a saga criada por George Lucas revolucionou o cinema e que a estreia do primeiro filme (que hoje é oficialmente conhecido como o "Episódio IV - Uma Nova Esperança") em 1977 foi um acontecimento de proporções épicas. E um dos efeitos colaterais do sucesso do filme foi o disco de que se fala hoje aqui. 

Não é do meu apanágio recuar aos anos 70, até porque não nasci nessa década, mas recentemente descobri o canal do YouTube Todd In The Shadows, em que uma das suas rubricas é analisar one hit wonders. E eis que descobri que em 1977, alguém não só adaptou o famoso tema da saga da "Guerra das Estrelas" de John Williams para uma versão disco, como essa versão chegou ao n.º 1 do top americano, vendendo mais que o single do próprio tema original. E o nome desse alguém se escrevia com quatro letrinhas apenas: Meco. Todo um cenário cromo demais para ignorar.



Além de ser um nome de uma praia portuguesa, Meco é também o nome artístico do músico americano Domenico Monardo, nascido a 29 de Novembro de 1939 no estado da Pensilvânia. Começou na música desde muito novo, influenciado pelo pai que tocava trombone. Mais tarde, recebeu educação em música clássica e jazz e foi tocando em alguns conjuntos de jazz, até que também começou a colaborar na música pop, com artistas como Tommy James, Neil Diamond, Gloria Gaynor e Diana Ross (por exemplo é Meco que toca o solo de trombone no final do hit "I'm Coming Out").




Tal como milhares de americanos e sendo um inveterado fã sci-fi, Meco ficou tão fascinado com o primeiro filme da "Guerra das Estrelas" que decidiu fazer uma versão disco do tema de John Williams. Com o aval da editora do tema original, reuniu um conjunto de produtores e músicos com quem colaborara anteriormente (um deles era Tony Bongiovi, primo de Jon Bon Jovi) e em apenas três semanas o álbum "Star Wars And Other Galactic Funk" foi gravado e arranjado em apenas três semanas. O álbum continha versões em disco de toda a partitura do filme, três composições inéditas e duas versões do tema que fundia o tema principal e o da banda da cena da cantina, daí o título misto "Star Wars Theme / Cantina Band".




Numa altura em que o disco-sound reinava na América e não só e parecia que qualquer coisa com uma batida disco seria um hit instantâneo desde Beethoven a um grasnar do Pato Donald, não tardou até que milhares de americanos dançassem alegremente ao som do filme do momento. "Star Wars Theme / Cantina Band" foi n.º 1 nos Estados Unidos, onde vendeu mais de dois milhões de cópias, permanecendo ainda como o instrumental mais vendido de sempre na América, e no Canadá. Chegou também ao n.º 7 do top britânico e ao top 5 em países como Austrália, África do Sul, Bélgica, Irlanda e Nova Zelândia. O álbum foi nomeado para o Grammy de Melhor Álbum Pop Instrumental mas perdeu para a banda sonora original de John Williams. 
Na altura, chegou mesmo a haver uma banda que fazia algumas actuações ao vivo da música do disco, mas cujos elementos não estiveram envolvidos na criação do mesmo.




Com a Força do boogie do seu lado, Meco explorou ao máximo o filão compondo também versões disco-sound da música de outros filmes como "Encontros Imediatos Do Terceiro Grau", "O Caminho das Estrelas", "Super Homem", "O Feiticeiro De Oz", "Um Lobisomem Americano Em Londres" e, como não podia deixar de ser, "O Império Contra-Ataca" e "O Regresso do Jedi". Também editou um álbum de originais em 1979, "Moondance". Ele produziu ainda um álbum especial de Natal de Star Wars, encomendado por George Lucas himself, que é o primeiro registo em disco em que Jon Bon Jovi esteve e que continha ternurentos temas natalícios como este:


Quando essa força desvaneceu, Meco retirou-se da indústria musical em meados dos anos 80, 
reaparecendo apenas em 2000 para uma revisitação dos seus temas relacionados com a "Guerra Das Estrelas", por ocasião da estreia do filme "Episódio 1 - A Ameaça Fantasma", havendo ainda um álbum online editado em 2005. Actualmente Meco vive no estado da Flórida.

O episódio de Todd In The Shadows que inspirou este texto:


Número de dança ao som de "Star Wars Theme / Cantina Band"
no programa holandês "TopPop"



"Empire Strikes Back" (1980)


"Superman Theme" (1979)


Entretanto o David Martins, quando soube que estava a fazer este cromo, indicou-me esta cover japonesa da autoria de Masato Shimon, que é absolutamente inacreditável.


 

Se gostou, Partilhe: »»

Save on Delicious

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...